«

»

mar 04

Dicas de Segurança na cozinha

Quem gosta de comer e receber bem, não pode deixar de conhecer alguns cuidados necessários na cozinha com o gás, com as chamas, com as panelas e muito mais. Tão importante quanto ter equipamentos na cozinha é saber manuseá-los corretamente.
Assim, você poderá preparar seus pratos preferidos com toda praticidade e segurança. Afinal de contas, não existe lugar mais gostoso para reunir a família e os amigos que ao redor da mesa!

Vamos então pra cozinha?

1. Se o óleo de cozinha pegar fogo, não jogue água e nem tente remover a panela do fogão, isto vai espalhar o fogo. Tape a panela com uma tampa ou utilize um extintor de incêndios adequado, caso você tenha um.
2. Para desinfetar alimentos deve-se usar o hipoclorito de sódio. Se for água sanitária, não pode ter amoníaco na sua constituição. O detergente não deve ser utilizado na lavagem de verduras, e outros alimentos. Por ser um produto químico pode deixar resíduos, comprometendo a qualidade do produto a ser servido bem como a saúde do comensal. Existem produtos e métodos adequados para a desinfecção de verduras, legumes e frutas.
3. A conservação dos alimentos aumentam sua vida útil, impedem que se cause doenças nas pessoas, e ainda previnem a contaminação e deterioração da comida. Utilizando-se da refrigeração, congelamento, cocção e esterilização, você vai ter alimentos sempre saudáveis.
4. Não deixe as panelas no fogão ou formas no forno ligado para fazer outras atividades fora da cozinha como, por exemplo, atender ao telefone. Além de queimar o alimento, pode-se também causar grandes acidentes, como incêndio.
5. Quando utilizar a panela de pressão procure acrescentar no mínimo de água necessário para que o líquido não seque antes do cozimento do alimento ou, do contrário, não transborde ao ferver, entupindo a válvula de segurança. Esta válvula age quando a pressão interna atinge um ponto perigoso. É muito importante mantê-la limpa e desentupida, para que o vapor saia livremente, evitando o risco de explosões.
6. Mantenha afastados panos de pratos, toalhas, potes plásticos ou outros objetos do botijão, da tampa do fogão e também de eletrodomésticos que emitam calor, como as torradeiras e grill. Com o calor liberado, eles podem derreter ou incendiar.
7. Sempre abra a porta do forno antes de acendê-lo. Desta forma, você não acumula gás na cavidade do aparelho e também pode verificar se a chama está realmente acesa. Esta simples dica pode salvar sua vida evitando o vazamento de gás e o risco de explosão.
8. Antes de serem colocados no microondas, nunca se esqueça de perfurar com um palito ou com um garfo todos os alimentos com casca ou película, como batatas, pimentões, ovos, salsichas, entre outros. Estes furinhos ajudam na saída dos vapores que se formam dentro deles. Caso contrário poderão explodir dentro do forno.
9. Para o cozimento prolongado de alimentos no microondas, dê preferência aos utensílios de vidro, cerâmica e porcelana refratários, eles suportam melhor e são mais resistentes à altas temperaturas.
10. Descarte os que possuam enfeites metálicos ou dourados, que podem causar faíscas no interior do forno.

Trazer as crianças para a cozinha pode ser uma divertida experiência, ao contrário dos que muitos adultos pensam. A culinária promove a sociabilidade, a integração entre a família, amigos e eleva a auto-estima da criançada que se sente útil e valorizada ao exibir a concretização do seu trabalho.
A interpretação das receitas, as dosagens e medidas, a experiência química dentro da cozinha contribui para o desenvolvimento do seu filho e fará do seu aprendiz de cozinheiro um verdadeiro gênio!
Seguindo mínimas regras de segurança na cozinha você vai compartilhar saborosos momentos com a criançada! Aproveite!!

1. Utilize um avental e sapatos fechados que ajudam a proteger o corpo contra fogo, água e sujeira. Quem tem cabelo comprido já sabe, é medida de higiene e segurança prendê-lo.
2. Facas e materiais cortantes devem estar bem guardados.
3. O piso da cozinha deve estar sempre limpo e seco.
4. Mantenha fósforos, isqueiros, velas e outras fontes de calor fora do alcance de crianças.
5. É fundamental ter um adulto por perto, mesmo quando algumas receitas não exijam cozimento. A criança precisa de auxílio para acender o forno e montar aparelhos elétricos, como o processador ou liquidificador. Além de ajuda na hora de separar os ingredientes e alcançar tudo o que precisa.
6. Muito cuidado com o forno e o fogão. O indicado é que se fique perto do aparelho somente o tempo necessário para o preparo da sua receita. Fique alerta: nunca usar o fogo sem a ajuda de um adulto.
7. Todo cuidado é pouco ao usar a faca e objetos cortantes. Você evitará cortes e pequenos acidentes se estiver atento a faca e as suas mãos. Uma boa dica é utilizar uma faca de mesa (aquela de ponta arredondada) ao invés das afiadas.
8. Ufa! Chegamos ao fim? Tudo pronto? Quase! É hora da limpeza. Lave todos os utensílios e organize a cozinha, mas não desperdice água e energia elétrica. Durante a arrumação, evite deixar torneiras abertas e luzes acesas sem necessidade.

Como em qualquer atividade, cozinhar requer segurança. Cuidados básicos – às vezes – podem passar despercebidos.
É muito importante iniciativas que divulguem informações sobre a segurança, tanto doméstica, como em qualquer outra área.
Tome nota! No www.comseguranca.com.br você vai encontrar dados para aplicar no seu dia-a-dia.
Muitas vezes, dicas simples podem valer a sua segurança ou até mesmo a sua própria vida!


Ana Maria Braga