«

»

mar 04

Dicas de Segurança em casa

Medidas (que estejam ao seu alcance) para evitar que sua residência seja furtada ou roubada:

› Portas resistentes;
› Fechaduras confiáveis;
› Trancas e alarmes nas portas e janelas;
› Olho mágico nas portas;
› Instalação de interfones;
› Iluminação total em volta da residência;
› Não coloque nome nas portas;
› Nunca deixe portões e portas abertas. Oriente seus empregados para mantê-los fechados durante os serviços de lavagem de tapetes, calçadas e imediações, deixando sempre a chave da porta com alguém dentro de casa;
› Mantenha sempre as garagens fechadas;
› Admita somente pessoas conhecidas em sua casa;
› Se possível, tenha um cão de guarda em sua residência. Um cão de grande ou médio porte desestimula sempre a ação dos marginais;
› Comunique-se com os seus vizinhos procurando formar um esquema de vigilância comunitária, para que haja observações recíprocas das residências;
› Se tiver alguma arma de fogo dentro da residência, coloque-a em um lugar seguro. Saiba usar sua arma. Habilite-se. Tenha o porte de arma. Mantenha a arma longe das crianças;
› Antes de usar a sua arma, certifique-se de que não se trata de um familiar que esteja adentrando em sua residência;
› Oriente os porteiros para que permaneçam sempre no interior das portarias;
› Mantenha à vista a ficha de todos os empregados do prédio, mesmo os eventuais. O ideal é que todos sejam identificados por crachás;
› O síndico do edifício ou condomínio, deve sempre certificar-se sobre as referências dos porteiros e funcionários que contrata;
› Certifique-se também das referências funcionais apresentadas por empregadas domésticas, caseiros, babás, jardineiros, faxineiros, etc;
› Antes de sair de casa ou da garagem, observe sempre se há alguém ou algum grupo de pessoas ou carros suspeitos nas proximidades;
› Os mesmos cuidados devem ser tomados quando estiver chegando em casa. Se notar algo estranho, siga em frente e chame a polícia;
› Se morar em edifício, combine com o porteiro códigos ou senhas, pois quando êle chamar pelo interfone ou bater em sua porta, você saberá se o porteiro esta agindo sob ameaça de alguém;
› À noite, mantenha um bom sistema de iluminação externa, deixando também algumas lâmpadas internas acesas, mesmo quando não haja ninguém em casa. A portaria deve ficar às escuras e o exterior bem iluminado;
› Caso note alguma pessoa, motocicleta ou veículo sistematicamente passando e observando a residência ou o prédio ou algum carro parado com pessoas em seu interior nas imediações, procure observar às características e telefone de imediato para a Polícia Militar (190), que mandará uma patrulha para o local;
› Cuidado com as crianças para não abrirem as portas a pessoas estranhas, sem a aprovação de um adulto;

Chame a POLÍCIA ainda quando você observar:

› Luzes acesas ou barulho em casa de vizinhos que estejam viajando e não tenham avisado qualquer coisa a respeito;
› Táxi, carro particular ou caminhão recebendo mercadorias volumosas, com os elementos agindo de maneira nervosa, e sem os cuidados necessários com os objetos a serem transportados, tais como: televisão, aparelho de som, etc;
› Pessoas armadas ou grupos suspeitos anotando as placas dos veículos estacionados;
› Carros novos conduzindo três ou quatro elementos, com placas duvidosas ou danificadas;
› Transeuntes carregando grandes embrulhos;
› Estranhos parados em portas ou perto de edifícios ou casas, por muito tempo;

Você deve ainda observar:

› As pessoas que prestam serviços em sua residência (pintor, pedreiros, bombeiros, etc);
› Vendedores que batem em sua porta em horários de pouco movimento;
› As pessoas que fazem pesquisas ou que prestam outros tipos de serviços da comunidade, que devem estar com a credencial da firma ou empresa e também com a carteira de identidade;
› Pessoas desconhecidas do local que ficam namorando pelas esquinas;
› Carteiros desconhecidos na comunidade;Pessoas que batem em sua residência pedindo emprego;
› Colegas desconhecidos que vivem em companhia de seus filhos;
› Ex-empregados que freqüentam as redondezas de sua residência;
› Os namorados de suas empregadas, que entram em sua residência;
› Não acredite que um estranho uniformizado é sempre legítimo. Em caso de dúvida, consulte o seu empregador;
› Não use qualquer identificação no seu chaveiro.

Lembre-se:

Sua casa é o seu melhor abrigo e você estará melhor abrigado se apresentar, realmente, determinadas medidas de segurança.

Fonte: www.policiamilitar.rj.gov.br