«

»

mar 03

Cartilha da Pastoral

 

MEDITANDO…
Você já parou para pensar nos exemplos que tem dado dentro de casa? Os gritos, a ira descontrolada, as ameaças vazias, as atitudes incoerentes.
A vida é como um grande quebra-cabeça; precisa ser montado segundo certas regras já estabelecidas para ficar linda e aproveitável.
A droga não está longe de cada um de nós!
Ela permeia ambientes pobres, ricos, cultos e incultos.
Cabe a cada um de nós tomar devidas providências para que ela perca, definitivamente, a força atrativa que mantém os jovens alucinados.

MAS SERÁ QUE EU POSSO?
Sim você pode, basta não temer!
E a solução dentro de casa.
Seja natural, mas firme! Esta guerra é para os corajosos e destemidos que através do amor verdadeiro e prático, conquistarão vidas perdidas e em sem rumo!

O QUE POSSO FAZER PAR QUE MEU FILHO NÃO USE DROGAS?
Auto Estima: Sua família, sua esposa, seu marido, seus filhos precisam de seu amor, sua atenção independente da idade que tem. Os pais são os modelos dos filhos em palavras e atitudes. Frases como: “Você é inútil”, “Você não faz nada certo”, “Estou cansado de você”. Pode destruir qualquer pessoa!
Edifique o amor próprio de todos aqueles que o rodeia, pois, só assim, eles terão forças para resistir aos apelos e pressões das drogas e dos traficantes.

Diálogo: Uma conversa franca e amiga alivia qualquer dor! A palavra dita na hora certa é boa límpida e agradável.
Seja amigo, companheiro de seus filhos, pois do contrário traficantes terão o maior prazer em adotá-los. Uma conversa amorosa, sincera e sem agressões cura grandes traumas e pode salvar vidas.

DISCIPLINA
A insegurança de muitos adultos ou jovens, vem da falta de limites. Não estamos falando de “ditadura militar”, mas de firmeza de posição e princípios. Estamos falando de autoridade e não de autoritarismo.

MAS SE ELES JÁ ESTIVEREM USANDO DROGAS?
O mais importante é não se desesperar! Suas atitudes falarão mais alto do que suas palavras! Respeite os seres humanos assim como você gosta de ser respeitado.

1- USE FRASES POSITIVAS:
Compreensivo: “Eu creio que você está muito pressionado pelos amigos a usar drogas”.
Firme: “Eu não posso permitir que você seja destruído por estas drogas”.
Prestativo: “Eu amo você e ajudarei você encontrar uma forma de dizer NÃO às drogas”.
Auto-interrogador: “O meu hábito de fumar, beber e de usar qualquer outro tipo de droga, não está influenciado meu filho?”

2- FRASES NEGATIVAS SÓ PREJUDICAM:
Sarcástico, irônico: “Não pense que eu não sei que você está usando…”
Acusador: “Você está mentindo, você é mentiroso…”
Crítico: “Você é uma pessoa terrível!, você é mau”.
Chorão: “Você não percebe que está me machucando?”.
Culpado: “Isto é erro meu! Sou culpado de tudo!”.

Lembre-se: O seu familiar precisa de ajuda e compreensão.

MAS E SE AS PRESSÕES CONTINUAREM SOBRE SEU FAMILIAR:
Procure informar-se sobre drogas, e seus riscos e oriente-se em grupos de ajuda mútua para saber que atitude você deve tomar em cada situação.

REFAÇA SUA VIDA FAMILIAR
• Há quanto tempo você não sai para passear com sua família e filhos?
• Há quanto tempo você não lhe diz: Eu amo vocês?
• Vocês são importantes para mim?
• Que tal iniciar um aprofundamento dentro do lar?

REESTRUTURE SEUS PRINCÍPIOS
Um indivíduo sem princípios bem definidos é como um barco sem rumo no Oceano.
Estabeleça pequenas metas e vá avançando para um aperfeiçoamento pessoal e familiar.

Conclusão: É possível ser feliz com minha família!