«

»

nov 18

Compreendendo Melhor a Tensão Pré-Menstrual (TPM)

A chamada TPM, Tensão ou Síndrome Pré-Menstrual, é um problema bastante comum que todos os meses atinge o dia-a-dia de mulheres em várias idades, e se caracteriza basicamente por uma combinação de alterações físicas e emocionais. Costuma ter o seu início logo após a ovulação, fase conhecida como período fértil da mulher, terminando somente quando do início da menstruação. Estima-se que 80% das mulheres apresentam o quadro da TPM, mas somente uma minoria (em torno de 10%) manifesta sinais e sintomas considerados graves, atingindo negativamente seu estilo de vida, trabalho e relacionamentos.

Embora a causa exata da TPM ainda seja uma incógnita, existem teorias que relacionam as alterações de humor com a flutuação hormonal da época da ovulação. Entre os sinais e sintomas mais comuns podemos destacar irritabilidade, ansiedade, depressão, hipersensibilidade, fadiga, sensibilidade nas mamas, acne e alterações no apetite. Para serem relacionados com a TPM, os sintomas precisam acontecer entre a ovulação e a menstruação, ou seja, em qualquer fase das 2 semanas que a antecedem, devendo desaparecer logo após seu início.

É oportuno salientar que a TPM, embora seja considerada como algo “normal” por alguns desavisados, não é uma condição natural e obrigatória, à qual as mulheres estejam fadadas a suportar. Muitas pacientes chegam a ser erroneamente rotuladas como “depressivas”, o que pode de alguma forma retardar o diagnóstico e tratamento adequados. Como acontece em toda disfunção orgânica, é importante compreender que o reconhecimento do problema e a busca pelo correto diagnóstico são passos decisivos para se chegar à cura. Assim, é fundamental que em presença desses sinais e sintomas, seja agendada uma avaliação médica especializada, a fim de se identificar e tratar precocemente as possíveis alterações.

Alguns cuidados pessoais podem ajudar a amenizar os sintomas da TPM, sem que se utilize necessariamente alguma prescrição medicamentosa:
– Dedique um tempo do seu dia para a prática de exercícios físicos; esse hábito, além proporcionar bem-estar durante o período menstrual, combate o estresse do trabalho.
– Faça refeições equilibradas durante o dia. Limite o consumo de sal, pois isso ajuda a reduzir o inchaço dos pés e mãos.
– Evite fumar e reduza o consumo de café e álcool antes da data prevista da menstruação.
– Procure relaxar contando com a ajuda de técnicas especiais, como meditação e ioga.

Por outro lado, sabe-se ainda que determinadas vitaminas e minerais podem aliviar os sintomas da TPM em algumas mulheres. Dependendo do caso, pode haver também a necessidade da prescrição de diuréticos para a eliminação de líquidos do organismo, de analgésicos para aliviar dores e até mesmo do uso de anticoncepcionais que podem surtir bons resultados por interromperem o processo cíclico da ovulação. Independentemente da opção de tratamento, procure sempre buscar orientação médica para estabelecer um acompanhamento profissional que poderá ajudá-la a aproveitar melhor os seus dias, sentindo-se bem, com a mente e o corpo aptos a uma vida plena e saudável.

Dra Silvia Regina Ferreira Mendes

CURRICULUM VITAE

Dra Silvia Regina Ferreira Mendes
CRM 66634
Ginecologia, Obstetrícia e Mastologia
Rua Cláudio Manoel da Costa, 65 Lins – SP  Fone: 14 3522-7016

• Graduada pela Faculdade de Medicina de Catanduva – SP (1989)
• Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia – Hospital e Maternidade São Cristóvão – SP (1990/91)
• Residência Médica em Mastologia – IBCC Instituto Brasileiro de Controle do Câncer – SP (1992/93)
• Membro da Sociedade Brasileira de Mastologia – SBM
• Membro da Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia – FEBRASGO
• Membro da Sociedade Ginecologia do Estado de São Paulo – SOGESP